Jaco & Bina

Preservando a história pela notícia.

Professores do Projeto Universidade para Todos informam que farão paralisações e possível suspensão de todas as atividades

Na próxima quarta-feira (17), os professores do Projeto Universidade para Todos vão paralisar suas atividades em protesto contra o descaso do atual governo:

_ As aulas iniciaram em maio de 2014 e os módulos dos alunos ainda não foram entregues, inviabilizando o planejamento e a credibilidade do projeto;

_O fardamento de algumas cidades do pólo não foi enviado;

_O pagamento referente aos meses de junho, julho e agosto dos professores da equipe de coordenação e apoio não foram pagos e não há uma previsão de quando o pagamento do pró – labore irá ocorrer. Houve uma previsão para pagamento até o dia 30 de agosto, mas não foi cumprida.

Em reunião, os professores da cidade de Jacobina decidiram pela paralisação das atividades na próxima quarta-feira (17), e se após esta data não houver uma resposta concreta, as aulas serão suspensas nos dias 23 e 24 e suspensão total das atividades a partir do dia 30 de setembro.

O pólo de Jacobina abarca as cidades de Baixa Grande, Caldeirão Grande, Miguel Calmon, Mundo Novo, Quixabeira, Saúde, Serrolândia, Umburanas, Várzea Nova e Várzea do poço.

A equipe de professores de Jacobina conclama a todos os professores das cidades do pólo de Jacobina para aderirem à paralisação.

Jovem é assassinado a tiros no povoado de Tamanco em Jacobina

15/09/14 – Segundo informações, por volta das 20h desta segunda-feira, 15, um jovem de prenome Leonardo foi assassinado com pelo menos 5 disparos de arma de fogo em uma estrada vicinal, na localidade de Tamanco em Jacobina, próximo a divisa com Miguel Calmon.

O Departamento de Polícia Técnica está no local realizando o levantamento cadavérico e o corpo será encaminhado ao IML de Jacobina. Informações dão conta que o jovem é do Bairro Jacobina 4 e já tinha passagens pela delegacia.

Em breve mais informações…
Fonte: Augusto Urgente!

FÍSICA: O que é uma onda?

Uma onda é uma perturbação ou variação que transfere energia progressivamente de ponto para ponto num meio e que pode tomar a forma de uma deformação elástica ou uma variação de pressão, intensidade eléctrica ou magnética, potencial eléctrico, ou temperatura.
Se estivermos a falar de ondas mecânicas (precisam de um meio onde se propagar), o meio sofre perturbações locais à medida que a onda passa, mas as partículas do meio não viajam com a onda.
Seguem-se alguns exemplos para ilustrar a definição.
  • Uma multidão a realizar “a onda” num estádio.
A onda é a perturbação (pessoas a subir e a descer) e viaja ao longo do estádio sem que algum dos espectadores tivesse viajado com a onda. Todos se mantêm no seu lugar.
A situação descrita é um exemplo de uma onda transversal, pois o movimento das partículas do meio faz-se perpendicularmente à direcção de propagação da onda. Outro exemplo pode ser a onda que viaja ao longo de uma corda quando é agitada numa das extremidades (a onda viaja mas a corda não sai da nossa mão).
peoplewave stringpulse
  • Ondas sonoras
O som é uma onda longitudinal pois as partículas deslocam-se para a frente e para trás (passando pela posição de equilíbrio), ao longo da direcção que a onda se propaga. Mais uma vez, é a perturbação que viaja e não as partículas do meio. A onda é vista como o movimento da região comprimida (onda de pressão).
wavepulse
onda_sonora
diapasão_tunning_fork 
Na imagem do lado podemos ver uma onda sonora a propagar-se em todas as direcções através de um meio. Esta onda é idêntica à produzida por um diapasão.
Torna-se hipnótico!
  • Ondas na água
water_waveEstas são um exemplo que combina as ondas transversais e longitudinais. À medida que a onda progride na água, as partículas realizam movimentos circulares no sentido dos ponteiros do relógio (mostrado pelas partículas a azul). O raio deste movimento diminui com a profundidade. 

CORPO E DIETAS: Exercícios que melhoram a postura

Atualmente é normal que algumas pessoas vivam reclamando de dores nas costas pensando que estão com algum problema, quando na verdade as dores ocorrem devido a falta de atenção ao praticar algumas atividades em casa ou no serviço.
Felizmente ainda existem algumas pessoas atenciosas, mas também existem aquelas desastradas que fazem tudo de qualquer jeito e quando vê já se machucou inteira, e é exatamente por isso que está se tornando cada vez mais comum as reclamações.
E para que estas dores e lesões sejam prevenidas o ideal é que tome algumas atitudes reeducando os hábitos de postura e também praticando alguns exercícios físicos específicos para uma postura saudável. 
Quando se fala em manter a postura ideal também estamos falando de reeducação alimentar, pois o peso influencia e muito na postura do ser humano. Sendo assim a dica é que nunca descuide de sua alimentação e procure manter sempre horários específicos para as refeições.
A pratica de exercícios físicos também é muito importante sendo que o exercício mais procurado são os pilates, musculação, ginástica funcional, alongamento e hidroginástica. Estes exercícios citado atrás ajudam a manter a postura da coluna sempre ereta e alinhada, fazendo com que a flexibilidade seja maior o que colabora ainda mais para o fortalecimento dos músculos.
Os exercícios físicos podem ser praticados por quaisquer pessoa, mesmo com faixa etária avançada, mas lembre-se antes da pratica dos mesmos é necessário que passe por uma avaliação médica e fique atenta sobre todos os movimentos que pode realizar ou não.
É importante alertar que as pessoas que sofrem com problemas sérios na coluna devem ter mais atenção na hora de praticar os exercícios mesmo tendo passado por uma avaliação médica. Já as pessoas que não sofrem o ideal é que pratique estes exercícios sem medo para que evite lesões ou problemas futuros.

Moradores dos bairros: Jacobina I, II, III e IV terão direito de receber indenização entre R$ 40 e R$ 45 mil da Sulamerica Seguros

Frangão acompanha entrega de cheques/Juazeiro
15/09/14 – Está na cidade de Jacobina o Sr Antônio Camelo, que é diretor nacional da Conam (Confederação Nacional das Associações de Moradores). Antônio diz que as residências financiadas nas décadas de 80 e 90, através da Urbis e Caixa terão direito a receber uma indenização.
Segundo Antonio,  todos os moradores que pagaram prestações em casas financiadas pela Urbis e Caixa neste período, 20% do valor teria que ser destinado para o seguro do imóvel, sendo para pequenas avarias no período do financiamento. Os reparos não foram feitos e os moradores terão direito a receber uma indenização pelos danos que o imóvel apresenta.
Antônio Camelo e advogados

A Conam convoca os moradores dos bairros: Jacobina III e IV, para uma reunião às 19h desta terça (16) na Praça do Simplicidade/Jacobina III, onde Antônio Camelo irá tirar todas as dúvidas sobre os direitos de cada morador. Na quarta- feira (17) a reunião será com os moradores da Jacobina II, com a presidenta Zélia da Associação. Os moradores do Bairro Jacobina I estão sendo convocados à comparecer na reunião.

Será acionada uma ação na justiça contra a Sulamerica Seguros, que foi a empresa que recolheu os 20% das faturas do financiamento.
Antônio está em Jacobina na companhia do Fernando Rios Filho (Frangão) Presidente da Associação do Bairro Jacobina III e relata que a ação não tem nenhuma relação com política. O reembolso é entre R$ 40 e R$ 45 mil por imóvel.
No último final de semana Antônio esteve em Juazeiro, onde 190 famílias acionaram a justiça e receberam entorno de R$ 50 mil. Estiveram presentes o Frangão que é presidente do Jacobina III juntamente com o vice Clóvis e o diretor Juvenal. Mariah esteve representando a Associação da Jacobina II, além de moradores.
Fonte: Augusto Urgente!
Equipe de advogados da Conam realiza entrega de cheques/Clube do Caçadores em Juazeiro

Para empresário Luciano da Locar, o deputado Jutahy Jr. é uma referência de ética e competência


Jutahy Jr. e Luciano da Locar durante carreata em Jacobina
O empresário Luciano Pinheiro, o Luciano da Locar, que é candidato a deputado estadual pelo DEM, afirmou em entrevista à Imprensa local, nesta segunda-feira, 15, que o deputado federal Jutahy Jr., do PSDB, é uma referência em ética e competência.
“Eu cito o seu projeto Habitar-Brasil no Bairro Alexandre Sifrônio, quando Jacobina foi a primeira cidade do Brasil a receber o projeto, no governo de Carlito Daltro”, disse Luciano da Locar, lembrando outros projetos importantes de Jutahy: “Ele foi responsável também pela implantação da Clínica de Hemodiálise Heitor da Silveira, em Jacobina, criou a Lei Geral das Micro e Pequenas Empresas, ele é ainda autor da Lei Orgânica de Assistência Social (LOAS), que assegura um salário mínimo para os muito pobres, idosos e portadores de necessidades especiais. Mais de 3 milhões de brasileiros recebem este benefício.”
Luciano da Locar afirmou também que “Jutahy Magalhães foi o principal responsável, no Congresso Nacional, pela proibição da propaganda de cigarro em todos os lugares públicos e também em rádio, televisão, jornal, outdoor, etc. Ele foi o relator da matéria na Câmara dos Deputados e o seu parecer foi aprovado e hoje, como consequência, o Brasil é o país que mais diminuiu no mundo, o número de novos fumantes e desestimulou muitos a continuarem a fumar. Recebeu por essa atuação o maior prêmio da Organização Mundial da Saúde pela luta antitabagista”.
Luciano da Locar afirmou que pretende fazer uma dobradinha com Jutahy na Assembleia Legislativa, criando leis que beneficiem a população da Bahia.
“Quero fazer da ética e da competência, que caracterizam o trabalho do deputado Jutahy Jr., as minhas ferramentas diárias de trabalho e, dessa forma, trabalhar muito em prol da população de Jacobina e da Bahia no parlamento estadual”, concluiu.

IV Concerto de Inverno de Jacobina

‘Este texto será escrito em primeira pessoa porque será mais um depoimento do que uma matéria.’
Aconteceu ontem à noite, domingo (14), no auditório do Colégio Municipal Gilberto Dias Miranda (COMUJA), o IV Concerto de Inverno de Jacobina, sob a regência do licenciando em Música, pela Universidade Estadual de Feira de Santana (UEFS), Jal Nunes e a coordenação de Jeane Lemos. A apresentação contou com a participação de vários convidados, como o regente da Filarmônica 2 de Janeiro, Celso Santos e vários dos músicos componentes da mesma; o regente da Filarmônica Rio do Ouro, Joel Cruz e alguns dos músicos componentes dela. Além das filarmônicas, o evento contou com a participação de Ubirajara Santos, Daniel Alves (violão), Banda Santo Sou, Al Cícero Luthier, Canindé e eu, Nívia Sampaio, tive também o privilégio de participar desse evento tão importante para a cidade de Jacobina.

Continue lendo…
Mais informações »

Especialista afirma que o ato de racismo na rede também é crime

A sociedade brasileira vem acompanhando diversos casos de ofensas racistas contra jogadores de futebol. O mais recente episódio ocorreu no fim do mês passado, quando ogoleiro Aranha, do Santos, foi chamado de macaco durante partida contra o Grêmio. Mas não é só dentro dos campos que esse crime é praticado. Muita gente usa as redes sociais e a internet. Recentemente, ao postar uma foto ao lado do namorado, uma jovem negra foi ofendida por usuários de uma rede social. O coordenador do Plano Juventude Viva da Secretaria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial (Seppir), Felipe Freitas, explica que a rede mundial de computadores reflete o comportamento da população.“Se o racismo é um fenômeno social, a internet é um espaço onde esse fenômeno também se manifesta. Não é a internet que os cria. Apenas dá mais visibilidade”, salienta. Segundo ele, o uso da rede dá uma falsa sensação de anonimato. No Brasil, o racismo é considerado crime inafiançável e imprescritível. Isso significa que uma pessoa pode ser punida muito tempo depois da infração. As penas previstas variam de um a cinco anos de reclusão, dependendo do caso. CONTINUAR LENDO…

Conforme o coordenador, o fato da ofensa ser presencial ou pela internet não altera a denúncia. Qualquer espaço pode ser usado. “Na Seppir, temos a ouvidoria, que pode ser acionada por telefone ou internet. As delegacias precisam estar prontas para receber essas denúncias, assim como o Ministério Público e as defensorias públicas”, cobra Freitas. Especialista em direito digital, Fabrício Alves observa que algumas providências podem ser tomadas para auxiliar a polícia na investigação. Além de não incentivar o debate, a pessoa ofendida deve registrar as ofensas. “Registrar, por meio de impressão, anotar o endereço da página para identificá-la posteriormente e, imediatamente, procurar a policia. “Se, antes de comunicar à autoridade policial e à Justiça, ela pedir para remover o conteúdo, estará dificultando a produção de provas”, comenta o advogado. O Marco Civil da Internet, que entrou em vigor em junho deste ano, traz regras sobre direitos e deveres de usuários e provedores. Conforme Fabrício Alves, alguns aspectos que podem auxiliar na investigação de crimes cometidos na rede precisam ser regulamentados. É o caso dos artigos 13 e 15, que tratam do armazenamento obrigatório de informações. “Para efeito de investigação, isso é extraordinariamente positivo, porque representa uma forma inovadora de se produzir provas contra o cidadão que usa a internet indevidamente. Só que esses pontos ainda não foram regulamentado. O Marco Civil prescreveu a obrigatoriedade do Poder Executivo regulamentar por decreto”, assinala Alves. Para que um provedor retire do ar conteúdo ofensivo a um usuário, é preciso recorrer à Justiça. Com a notificação judicial, a empresa passa a ser responsabilizada pela manutenção do material. O próprio Marco Civil estabelece que, caso não remova o conteúdo, a empresa responderá por eventuais danos. A maioria das redes sociais já disponibiliza canais para denúncias. Segundo o advogado, geralmente as empresas atendem aos pedidos. Ele afirma que, apesar da legislação não estabelecer prazos para retirada de materiais ofensivos da rede, a jurisprudência fixa um período de 24 horas a partir da notificação. Felipe Freitas acredita que a população brasileira vem amadurecendo com relação ao racismo. Entretando, alerta para a necessidade de capacitação dos profissionais que tratam dos casos. “Temos parcerias com os ministérios públicos e com o Conselho Nacional do Ministério Público (Cnmp) para capacitar operadores da área. Falta apenas mais diálogo com o judiciário, com a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) e com as defensorias públicas”, conclui. (Agência Brasil)

Estuprador preso na Bélgica consegue ‘permissão para morrer’

Um homem que há 30 anos cumpre uma sentença de prisão perpétua em uma instituição psiquiátrica da Bélgica recebeu da Justiça do país uma “permissão para morrer”.

Frank Van Den Bleeken, de 50 anos, foi preso e condenado nos anos 1980, depois de cometer vários estupros e assassinar uma jovem de 19 anos.

Incapaz de controlar seus impulsos sexuais violentos, ele nunca mais seria libertado. Há três anos, enfrentava uma batalha nos tribunais para ter direito à eutanásia.

A decisão é a primeira do tipo a envolver um prisioneiro desde que a lei que regulamente a prática entrou em vigor na Bélgica há 12 anos. Van Den Bleeken será transferido em breve para um hospital, onde o procedimento será realizado.

“Mas não posso dizer quando nem onde isso ocorrerá”, disse seu advogado, Jos Vander Velpen.

Continue lendo…Mais informações »

Atleta coiteense é convocado para Seleção Baiana de Voleibol


Fundada em 1990 a ADEC já é consagrada em várias modalidades em esporte de quadra.

Fundada em 1990 a ADEC já é consagrada em várias modalidades em esporte de quadra.

O atleta coiteense Bruno Lima Brito,19 anos, atleta de voleibol da Associação Desportiva Coiteense-ADEC, no mês de julho, foi convocado para integrar a Seleção Baiana de Voleibol e terá sua primeira atuação ao disputar o Campeonato Brasileiro de Voleibol, na categoria Juvenil.

Bruno joga voleibol amador desde os 12 anos e , segundo o presidente da ADEC Fábio Santos, o jovem sempre mostrou que teria um grande futuro no esporte, uma vez que, possui habilidades, altura, força física e de vontade.

“A convocação de Bruno é uma resposta positiva para o trabalho da Associação que desde 1990 vem investindo na formação de atletas amadores no município de Conceição do Coité, tirando crianças e jovens de situações de risco; como também repercuti para o investimento que tem sido feito pela atual gestão municipal.Vale salientar que a Prefeitura institui uma parceria com a entidade, cujo repasse mensal acaba sendo revertido para a aquisição de bolas e materiais necessários para todas as modalidades que dispõe. A ADEC também conta com empresas parceiras que financiam alguns custos com seus eventos”, afirma o presidente da ADEC.

Informações ASCOM ADEC

Lídice promete políticas de inclusão de crianças e adolescentes


Lídice da Mata garante que o sucesso de programas quando prefeita de Salvador, podem ser implantados em todo estado.

Lídice da Mata garante que o sucesso de programas quando prefeita de Salvador, podem ser implantados em todo estado.

A candidata do PSB ao governo da Bahia, Lídice da Mata, anunciou que vai implantar no Estado novas políticas públicas para garantir os direitos de crianças e jovens. “No meu governo, investirei em políticas de inclusão social de crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade, como fiz em Salvador quando fui prefeita”, disse, em entrevista à Rádio Santa Luz nesta segunda-feira (15).

“Os jovens e as crianças são o futuro da nossa terra e devem ser prioridade do governo. Não se pode pensar em políticas públicas de educação, saúde e segurança sem pensar neles”, sustentou.

Na entrevista, a candidata lembrou a Fundação Cidade-Mãe, criada por ela quando foi prefeita de Salvador para tirar crianças e jovens das ruas. “Com inspiração naquele programa, vou criar no Estado o projeto Bahia Terra-Mãe”, prometeu. “Com esse projeto, crianças inscritas na rede pública de ensino terão acesso a aulas de pintura, dança, capoeira e outras atividades lúdicas e esportivas, enquanto os adolescentes poderão fazer cursos de qualificação profissional e inclusão digital”, detalhou.

Outro tema abordado por Lídice foi o combate aos crimes que atingem essa parcela da população, como a pedofilia. “Criaremos políticas de prevenção e de combate a crimes como a pedofilia, assegurando que a polícia os reprima e investigue a fundo”, disse, lembrando que a defesa das crianças e jovens tem sido alvo da sua atividade como senadora. “Como parlamentar, tenho tradição na defesa da criança e do adolescente e levarei esse compromisso para o Governo do Estado”.

Tablets – Lídice prometeu entregar um
tablet a cada aluno matriculado nas escolas de ensino em tempo integral, consideradas prioritárias no programa de governo do PSB, com o objetivo de promover a inclusão social. “Isso dará aos jovens que estudam nas escolas públicas o acesso à linguagem do conhecimento moderno”, afirmou.

Rui Costa diz que rejeição tem a ver com desconhecimento


Rui Costa (PT)

Rui Costa (PT)

Na abertura da série de entrevistas do Bahia Meio Dia (TV Bahia) nesta segunda-feira (15), o candidato ao governo da Bahia Rui Costa (PT) comentou o resultado da última pesquisa Ibope, na qual aparece com 24% das intenções de votos. “Até o dia 5 de outubro a vontade das ruas será ouvida nas pesquisas”, afirmou.

Em seguida, o candidato foi questionado sobre o índice de rejeição de quase 20% apontado pela mesma pesquisa, divulgada na última quarta-feira (10). “Acredito que tenha a ver com o desconhecimento. Eu nunca disputei a eleição para governador ou prefeito”, avaliou.

Rui Costa (PT) enfatizou as propostas de criação de mais de 150 mil vagas de ensino profissionalizante, da escola em tempo integral e de fortalecimento das corregedorias das polícias Civil e Militar. “Não tem justificativa a forma como a polícia tem agido [...] Eu quero que as pessoas não tenham medo da polícia. O fortalecimento das corregedorias vai fazer com que se separe o joio do trigo”.

Sobre segurança pública, o candidato comentou ainda os ataques a bancos de diversas cidades do interior da Bahia. De acordo com ele, essa situação não é algo isolado, mas recorrente em todos os estados brasileiros. “Primeiro, devemos aumentar o rigor do controle dos explosivos, o que é uma atribuição da Polícia Federal e do Exército, depois, aumentar o monitoramento das praças para não permitir que bandidos atuem tão facilmente”, argumentou.

Na terça-feira (16), o entrevistado do Bahia Meio Dia será o candidato Paulo Souto (DEM).

Redação: CN*Informação: Correio

« Older posts

© 2014 Jaco & Bina — Powered by WordPress

Theme by Anders NorenUp ↑